Notícias

Roberto Muylaert lança livro sobre memórias da comunicação

Na noite da última quinta-feira, dia 29, nosso presidente Ênio Vergeiro esteve presente no lançamento do livro “Faz Pouco Tempo”, de Roberto Muylaert. O evento aconteceu no Instituto Cultural Itaú.

“Faz pouco tempo” pode ser lido como entretenimento ou como série de experiências úteis para quem é da área de comunicação.

A obra, lançada pela Sesi-Sp editora, abrange as atividades do autor ligadas ao mundo editorial. Relata sua experiência desde as revistas Exame e Veja (Editora Abril) até as revistas Ícaro e Visão. Passa pelas editoras fundadas por ele: Diagrama e RMC, e chega à sua participação em importantes eventos de cultura do País.

Roberto Muylaert foi o idealizador do Festival de Jazz de São Paulo (edições I e II), realizou na Bienal de Arte de São Paulo, a exposição Tradição e Ruptura, além de der ter sido diretor da Fundação Padre Anchieta e TV Cultura. No livro, a sua passagem de três meses como ministro-chefe da Comunicação Social, em Brasília, também é abordada.

Um livro inédito, de leitura fácil, com destaque para as informações sobre organização e administração editorial e de eventos de grande porte.

O autor, relata também a experiência em conduzir a TV Cultura por nove anos, de 1986 a 1995 e ao criar padrões de qualidade e audiência para a TV Pública brasileira.

Na área cultural, conta sobre a experiência em realizar na Fundação Bienal, a exposição: Tradição e Ruptura. O autor aproveita e descreve a iniciação do marketing cultural na Bienal.

Sobre o autor

Roberto Muylaert é formado em engenharia civil, pela Universidade Mackenzie, com especialização em administração, pela Universidade de Stanford-EUA. Estagiou por diversas editoras especializadas dos Estados Unidos, como McGraw- Hill e Chilton, e na PBS, TV Pública dos Estados Unidos.

Na área de comunicações começou na Editora Abril, em 1964, como redator da revista Transporte Moderno, chegando a Publisher de Veja e Exame, publicação que lançou quando dirigia as revistas técnicas da editora.

Foi presidente da ANER-Associação Nacional dos Editores de Revistas (2008 a 2012). É Officier des Arts et des Lettres, título concedido pelo governo francês, por sua atuação na Bienal e na TV Cultura.

Outros três livros de autoria de Roberto Muylaert estão sendo relançados pela SESI-SP, são eles:

Alarm!,
Livro aborda a guerra de submarinos no Brasil na II Guerra Mundial.

1943
Narra a insólita viagem a Natal-RN do presidente Franklin D. Roosevelt durante o conflito mundial, para encontro com o presidente Vargas.

Barbosa
O drama da primeira Copa do Mundo perdida pelo Brasil no Maracanã, na figura do goleiro da seleção de 1950.